Regularizar CPF suspenso na Receita Federal

Veja agora mesmo como regularizar CPF suspenso de maneira simples e grátis pela internet.

O CPF suspenso pode significar que falta alguma informação no seu cadastro com a Receita Federal ou que alguma informação cadastral pode estar errada.

Publicidade:

Se acontecer de seu CPF ficar suspenso, você pode ter diversos contratempos em algumas situações do dia-a-dia, são elas:

  • Tirar o passaporte;
  • Participar de concursos públicos;
  • Receber sua aposentadoria;
  • Receber o auxílio emergencial
  • Abrir conta corrente ou poupança;
  • Fazer empréstimos;

Afim de solucionar esta questão onde você precisa regularizar o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), a Receita Federal disponibilizou um serviço online e grátis.

Assim, todos que estiverem com a situação cadastral suspensa, não precisam mais se dirigir a uma unidade dos Correios, da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil e gastar dinheiro para resolver a situação.

Publicidade:


Acesse o site da Receita Federal, preencha as informações para fazer o pedido de regularização e depois aguarde a revogação da suspensão.

Solicitar alteração ou regularização do CPF

Veja o que precisará para solicitar alteração ou regularização por meio da internet ou por intermédio da rede terceirizada de atendimento da Receita Federal.

Regularizar CPF suspenso na Receita Federal

Documentação em comum para todos os casos

Publicidade:

  • Documento de identificação oficial com foto do interessado;
  • Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento, caso não conste no documento de identificação oficial apresentado a naturalidade, a filiação e a data de nascimento; e
  • Título de eleitor ou documento que comprove o alistamento eleitoral (facultativo).

Cidadão com 16 ou 17 anos de idade:

  • Documento de identificação oficial com foto do solicitante (um dos pais), se for o caso;

Cidadão menor de 16 anos de idade:

  • Documento de identificação oficial com foto do solicitante (um dos pais, tutor, ou responsável pela guarda); e 
  • Documento que comprove tutela ou responsabilidade pela guarda, conforme o caso, do incapaz.

Demais casos de representação legal

Publicidade:

  • Documento de Identificação oficial com foto do solicitante;
  • Documentos que comprovem a representação legal, como procuração, tutela, termo de curatela, termo de compromisso de inventariante, etc., conforme o caso;
  • Certidão de óbito, se o CPF for de pessoa falecida.

Observações

  • Os documentos apresentados em papel nas unidades de atendimento devem ser vias originais ou cópias autenticadas.

Depois você deve receber a confirmação da regularização e já pode imprimir a segunda via do CPF.

Curta e Compartilhe!

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONSULTAR CPF – SITE NÃO OFICIAL DE CONTEÚDO INFORMATIVO GRÁTIS - POLÍTICA DE PRIVACIDADE